Geninho é demitido do comando técnico do Vitória; Bruno Pivetti é efetivado - Globofest

Notícias

sexta-feira, 19 de junho de 2020

Geninho é demitido do comando técnico do Vitória; Bruno Pivetti é efetivado

Autor(a): Redação Galáticos Online em 19 de Junho de 2020 13:33
Foto: Letícia Martins/ECV

Geninho não é mais técnico do Vitória. De forma inesperada, o clube anunciou na tarde desta terça-feira que o treinador não irá comandar a equipe na sequência da temporada.
Por meio de nota, o rubro-negro comunicou a efetivação de Bruno Pivetti como técnico até o final da temporada de 2020. Pivetti, inclusive, já estava comandando os treinos da equipe desde o retorno das atividades.
De acordo com o clube, a decisão do afastamento de Geninho se deu por conta da busca pelo equilíbrio financeiro agravada pela pandemia do coronavírus. Em abril, o Geninho chegou a abrir mão dos direitos de imagem durante a pandemia para ajudar a equipe no corte de gastos.
Com a efetivação de Bruno Pivetti, o ex-zagueiro do clube, Flávio Tanajura, passa a ser o auxiliar principal do futebol profissional.
Aos 72 anos, Eugênio Machado Souto já atuou como goleiro do Leão no ano de 1982. Segundo o pesquisador Ubiratan Brito, Geninho defendeu a meta do Vitória em 22 partidas - divididas entre Campeonato Baiano, Brasileirão, Taça de Prata e amistosos.
Como treinador, Geninho disputou 78 jogos à frente do Leão - divididos entre suas quatro passagens por Salvador. Geninho chegou ao Vitória em setembro do ano passado, substituindo Carlos Amadeu, com a missão de livrar o Vitória do rebaixamento. Após 15 jogos sob o comando do treinador, o Vitória terminou a Série B na 12ª posição somando 45 pontos e 46,6% de aproveitamento. Esse ano, foram 10 partidas no comando da equipe e quatro vitórias. 
Confira a nota na íntegra: 
O Esporte Clube Vitória comunica que acertou amigavelmente nesta sexta-feira (19) o desligamento de Eugênio Machado Souto, o Geninho, e a efetivação de Bruno Pivetti como técnico até o final da temporada de 2020.
A decisão do afastamento de Geninho do comando técnico foi tomada em função da busca incessante da direção atual do clube pelo equilíbrio financeiro diante da grave situação herdada de gestões anteriores, agravada com a considerável perda de receitas ocasionada pela pandemia do coronavírus.
O EC Vitória agradece a Geninho pela conduta profissional em sua terceira passagem pelo clube e deseja boa sorte. O treinador chegou ao rubro-negro em setembro do ano passado.
Com a efetivação de Bruno Pivetti, o ex-zagueiro do clube, Flávio Tanajura, passa a ser o auxiliar principal do futebol profissional

Sem comentários:

Publicar um comentário