Será o fim do Vitória", diz Paulo Carneiro sobre saída da presidência Autor(a): Redação Galáticos Online em 20 de Julho de 2021 16:15 Foto: Foto: Vagner Souza / BNews / Galáticos Online - Globofest

Notícias



terça-feira, 20 de julho de 2021

Será o fim do Vitória", diz Paulo Carneiro sobre saída da presidência Autor(a): Redação Galáticos Online em 20 de Julho de 2021 16:15 Foto: Foto: Vagner Souza / BNews / Galáticos Online

 

Presidente do Esporte Clube Vitória, Paulo Carneiro divulgou, na tarde desta terça-feira (20), uma nota oficial, defendendo sua permanência no cargo diretivo do Leão. 

Apontado por muitos torcedores como um dos principais culpados pela má fase enfrentada pelo clube, o dirigente apontou fatores do passado para justificar algumas situações.

Segundo Carneiro, uma manifestação em busca de apoio para a convocação de uma Assembleia Geral Extraordinária, que visa a sua destituição do cargo de presidente, não será a solução para os problemas do Vitória.

“Não acreditem Senhores Torcedores, Senhoras Torcedoras, que a solução para o engrandecimento do Esporte Clube Vitória resida nestas tentativas desesperadas de tomada do poder. A resposta para os problemas do Clube não passa pela sua constante instabilidade política, mas por projetos viáveis, que contemplem, não apenas contratações fabulosas sem a correspondente receita e que terminem trazendo para a Instituição os problemas que temos hoje. Porque assim fizeram recentemente e o caos financeiro que fora gerado deixou uma lição, que não vale a pena repetir”, escreveu no conteúdo, divulgado no site oficial do clube.

Eleito em 2019, PC citou o momento do Flamengo, e também apontou a instabilidade política vivida no rubro-negro, que contou com cinco presidente nos últimos seis anos como um dos fatores para o período critico encontrado agora. 

“Não acreditem na retomada de poder que ora se patrocina sem um projeto definido. Será o fim do Vitória. Foram cinco presidentes em seis anos. O Clube se apequenou porque estas mesmas pessoas, que vivem dessa política ridícula de reiteradas destituições, somente entendem o Clube reduzido ao time de futebol”, disse.

“O Flamengo passou cerca de cinco anos se reestruturando, quase falido, mas com um projeto que, atualmente, a todos encanta. Não se permitiu, lá, que as pressões por um resultado em campo destruíssem um futuro. Criticaram muito o seu Presidente à época, protestaram, mas ele não cedeu. E no que resultou a perseverança em um projeto?!?!”, completa.
 
O conteúdo completo da carta pode ser acessado através do site oficial do clube.

Sem comentários:

Enviar um comentário